quarta-feira, 29 de maio de 2013

Deus guarda



Quando a lógica fecha todas as possibilidades,
a fé pede passagem.

Um irmão me contou que depois de um dia agitado de trabalho no centro de São Paulo, ele entrou numa lanchonete, fez uma refeição rápida, pegou a agenda, os óculos e foi embora. Quando estava chegando em casa percebeu que havia esquecido a carteira no balcão da lanchonete. Começou a tremer, pois todo seu salário que acabara de receber estava nela. Imaginou as dificuldades que viriam pela falta daquele dinheiro. Em meio ao sofrimento antecipado orou pedindo a Deus que aquela carteira fosse encontrada por uma pessoa de bom coração, honesta, que tivesse consciência, mas logo em seguida pensou: "Não, naquele lugar, nesta cidade, é impossível que isto aconteça."

Voltou ao local com o coração bem apertado, e chegando à lanchonete, de longe viu a carteira intacta, no mesmo lugar onde havia deixado. Entrou, pegou a carteira e nenhuma das pessoas presentes, nem mesmo os garçons viram o que havia acontecido. Conferiu o conteúdo e estava tudo lá. Só Deus poderia ter feito aquilo. Seu coração batia acelerado e agradecia e agradecia a Deus, rindo pela rua e pensava: "Como aquela carteira tinha permanecido todo o tempo sobre o balcão, naquela rua, sem que ninguém a visse ou tocasse nela?" Com certeza Deus a tornara invisível.

Depois de ouvir essa história, voltando para casa me coloquei a pensar que Deus guarda assim as pessoas que amamos, debaixo de Suas Asas, no Esconderijo do Altíssimo, à Sombra da Sua Onipotência. Não importa se estão perto ou longe de nós, se ainda se lembram ou não de nós, nós nos lembramos deles, os amamos, oramos por eles todos os dias pedindo: "Senhor, guarda-os no Teu Amor". E o Senhor sempre ouve as nossas preces.


LEVA-ME ALÉM SENHOR, LEVA-ME ALÉM







quarta-feira, 22 de maio de 2013

A fidelidade de Deus


Dentre todos os atributos de Deus, a Sua fidelidade me encanta. Pensar que Ele permanece fiel, mesmo diante da minha infidelidade e pecado é algo extremamente confortador.

Por causa da sua fidelidade, usando uma linguagem bem nossa, há três coisas que Ele não consegue fazer:

Deus não consegue deixar de nos amar
Deus não consegue deixar de nos perdoar
Deus não consegue lembrar dos pecados que a Ele confessamos

Você já pensou nisso? Já entendeu a importância dessas verdades para o nosso relacionamento diário com Deus? O Pai nos ama sempre, independentemente da nossa resposta, da nossa atitude, das nossas boas obras, da nossa assiduidade na igreja, dos nossos dízimos e ofertas e até da nossa fé. 

Ele também não consegue deixar de nos perdoar. Isso, é claro, se confessarmos os nossos pecados conforme o apostolo João nos ensina em 1 João 1.9. Após confessado, é como se os nossos pecados fossem lançados no mais profundo oceano e Deus não mais se lembra deles. É como se Ele mesmo colocasse uma placa:"PROIBIDO PESCAR".

Meu coração se enche de alegria e esperança quando trago à memória a fidelidade de Deus.

Se o inimigo está acusando você, se você anda abatido por pecados que já foram confessados e perdoados por Deus, agarre-se na fidelidade do Pai. O sangue de Jesus nos purifica de todo pecado.

Nenhuma condenação há para os que estão
em Cristo Jesus 
(Rm.8.1) 






Cartão de Identificação do Cristão



Se você decide seguir a Jesus, isto é muito bom. Porém, é uma atitude com implicações mais sérias do que imagina! Jesus disse: "Se vocês permanecerem firmes na minha palavra, verdadeiramente serão meus discípulos".

Ele não quer que sejamos fiéis observadores de regras espirituais, nem que nos pareçamos com Ele. A ordem é para você e eu vivermos como Ele viveu e ordenou.

Se você ainda está determinado a seguir a Jesus, a partir de hoje, a sua vida deverá estar integralmente submetida a Ele. A solução dos seus problemas, as decisões e escolhas também deverão se sujeitar ao padrão moral de Jesus. Sim, porque a esperteza e o levar vantagem da nossa cultura não fazem parte da vida de quem segue a Jesus. Por isso, no dia a dia, a sua confiança e submissão a Jesus, deverão ser tão visíveis e marcantes a ponto de influenciar as pessoas à sua volta.

Mas, não fique preocupado, só pode seguir a Jesus quem recebeu a nova vida. Sim, porque é o poder dessa vida que manterá você fiel a Jesus. Foi essa a razão porque Jesus afirmou que quem o seguisse faria obras ainda maiores do que Ele.

Seguir a Jesus é, essencialmente, uma questão de identidade com Ele. É viver a vida dada por Deus, sem permitir a influência dos valores mundanos. Além do mais, a sua vida de fé e moral deverão ser fiéis a Jesus. A  recomendação bíblica é: "...que vocês vivam de maneira digna do Senhor e em tudo possam agradá-lo, frutificando em toda boa obra, crescendo no conhecimento de Deus..."

A submissão a Jesus é o nosso
Cartão de Identificação.


Textos
João 8.31 - Cl 1.10

segunda-feira, 13 de maio de 2013

Ânimo e Desânimo



Quando a mulher que sofria de hemorragia há 12 anos tocou a veste de Jesus e foi curada, o Senhor ao se dirigir a ela, disse-lhe: "Ânimo filha, a tua fé te curou" (Mat.9.22).

Você sabia que ânimo e desânimo são como luz e treva, nunca podem estar juntos? Porém se quiser mudar isso faça o seguinte: tire do coração a amargura, o ressentimento, a autocomiseração, a desconfiança e lembre-se destas palavras do rei Davi:

...esta certeza eu tenho: viverei até ver a bondade 
do Senhor na terra. Espere no Senhor, 
seja forte! Coragem! Espero no Senhor.
(Sl 27.13,14)

Encha-se da convicção de que a bondade de Deus se manifesta na sua vida, e tenha bom ânimo e boa expectativa para com o Deus que não mente.

Alegrem-se sempre... Deem graças em todas as circunstâncias, pois esta é a vontade de Deus para vocês em Cristo Jesus. Alegria e gratidão a Deus são eficientes vacinas contra o desânimo. Expressam confiança e dependência no Deus que não muda.

Encha-se da certeza da bondade, da misericórdia e da boa vontade de Deus para consigo. Avive no coração a boa expectativa e acenda a esperança. Assim você terá bom ânimo e influenciará até as pessoas à sua volta.

FÉ + ÂNIMO + ESPERANÇA = PERSEVERANÇA







Pessoas de Boa Vontade


Certa vez ouvi o testemunho de um irmão que me emocionou muito. Ele contara que certa noite, ao chegar em sua casa vira que sua filha estava muito mal e precisava de atendimento médico. Ele e a esposa foram rápido a um Pronto Socorro público, pois não tinham plano de saúde. Ao chegarem havia tanta gente esperando pelo atendimento que ele se assustou. Sentiu-se tão impotente por não ter os recursos financeiros para socorro de sua filha que quase chorou.


Na angustia ele orou, pedindo a Deus que despertasse uma pessoa de boa vontade para atender sua filha. No mesmo instante apareceu um médico e lhe disse: "Pois não, o que aconteceu?". Pareceu-lhe um sonho! Contou ao médico o que estava acontecendo. O próprio médico empurrou a maca até um consultório e foram atendidos.

Duas horas depois estava tudo resolvido! Tanto ele como sua filha não podiam entender como aquele homem, no meio da multidão, escolheu lhes atender prontamente. Embora ele tivesse orado, ficou sob o impacto da solução.

Na volta para casa tentava tirar uma lição do acontecido. Ficou claro que nós devemos entender e aceitar que não podemos resolver algumas situações por nós mesmos, que há momentos que estamos totalmente limitados e na dependência de outras mãos. Mas podemos pedir a Deus que nos dê a paz que só Jesus pode dar e nos coloque pessoas de boa vontade para nos ajudar.

Por mais angustiante que seja a situação, os que vivem sob a Graça do Senhor, têm uma preciosa promessa em Romanos 8.28:

Sabemos que Deus age em todas as coisas
para o bem daqueles que O amam,
dos que foram chamados de acordo
com Seu propósito.

Não se esqueçam que em todas as horas temos um Deus que vela por nós e por aqueles a quem amamos e sejamos também pessoas de boa vontade em favor daqueles que o Senhor coloque em nosso caminho e possamos ajudar.


sábado, 4 de maio de 2013

Aborto





Mas, quando aprouve a Deus, que DESDE O VENTRE de minha mãe me separou, e me chamou pela sua graça,   (Gálatas 1.15)

Pois Tu formaste o meu interior, Tu ME TECESTE NO SEIO DE MINHA MÃE. 

 Eu te louvarei, porque de um modo tão admirável e maravilhoso FUI FORMADO; maravilhosas são as tuas obras, e a minha alma o sabe muito bem. 

Os meus ossos não te foram encobertos, quando NO OCULTO fui formado, e esmeradamente tecido nas profundezas da terra.  

Os teus olhos viram a minha SUBSTÂNCIA AINDA INFORME...(Salmo 139.13 à 16)

Há uma estúpida discussão sobre Aborto em todas as esferas da sociedade neste últimos dias, e eu digo estúpida sim, porque não tem lógica, não tem fundamento nem humano e nem espiritual. Bastaria para isso colocar quem defende essa tese como um feto dentro da barriga de sua mãe e pedir que se imaginasse sendo arrancado. Será que eles conseguem visualizar e sentir verdadeiramente esse momento?

Para os cristãos, ou aqueles que de alguma forma acreditam num Deus Poderoso que criou o céu e a terra, bastaria ler esses versículos acima citados. 

Quando Paulo escreve aos cristãos da Galácia ele diz com todas as  letras que Deus o separou DESDE O VENTRE DE SUA MÃE. O que deixa muito claro que TODOS somos seres independentes e existentes desde o ventre de nossa mãe.

No lindíssimo Salmo 139 há mais concordâncias a respeito do ser completo mesmo quando ainda se é uma substância informe dentro da barriga da mãe.

Olhe a primeira figura e veja em que fase se deveria matar um ser vivo e completo?

Para estes que se colocam a favor do aborto deveria ser feita esta pergunta: Em que fase você quer ser morto?

Não há argumento e nem justificativa que possa neutralizar o ato de tirar a vida de uma criatura.

Há sim de haver o compromisso e a responsabilidade antes de gerar um novo ser, tanto  por parte de  homens como de mulheres. Há sim, o dever de educar e orientar nossos jovens sobre a concepção. Há sim necessidade de implantar dentro dos corações o respeito à vida e o amor ao ser humano. Há sim urgência de ensinar hoje para nossas crianças valores morais e éticos, e amanhã teremos adultos responsáveis e capacitados a conviver em harmonia com todas as formas da natureza.

Há um aborto que já se fez há muito tempo dentro dos corações humanos, o aborto de Deus, e a única maneira de resgatar essa vida dentro de cada um é com a concepção que se faz quando unimos nosso espírito ao Espírito de Jesus Cristo, então somos recriados e o Pai passa a habitar em nós novamente.

Senhor Tu és a vida inerente no Universo, 
só Tu tens poder de dar a vida e de a tirar
 Tu és o Dono de Tudo, 
e ainda que as criaturas queiram determinar 
a vida e a morte do seus filhos, 
jamais poderão aniquilar aqueles que clamam a Ti 
em nome do Senhor Jesus Cristo
em favor de outras vidas!












LIBERDADE - FORÇA E VISÃO

Voar como Águia Todos queremos ser livres, mas como podemos conseguir a tão sonhada liberdade neste mundo cheio de barreiras, dificu...